Liturgia Diária- Sábado das Têmporas de Setembro

Féria de 2ª Classe- Missa própria, com comemoração de S. Cipriano e S. Justina (Virgem), Mártires – ESTAÇÃO EM S. PEDRO

DIA DE ABSTINÊNCIA RECOMENDADA

Para o Ofício divino (outrora à noite), nos reunimos hoje na igreja de S. Pedro (Statio). Moisés, o Pedro do Antigo Testamento, nos ensina a importância deste dia. Seja ele um dia de reconciliação (I. Leitura), um dia de agradecimento pelas colheitas e pela libertação do Egito, para nós, do pecado (II. Leitura) e um dia de perdão (III. e IV. Leitura). A V. Leitura nos prepara para a ressurreição e celebração do Sacrifício, que Jesus Cristo, Medianeiro de paz e Sumo Sacerdote, celebrará em nosso meio (Epístola). Com muita paciência Ele espera de nós o fruto e curará os de boa vontade, os que no Senhor têm fé. Se nos Graduais imploramos a misericórdia de Deus, temos motivos de louvar esta misericórdia no Trato. A fidelidade de Deus permanece para sempre.


Páginas 670 a 675 do Missal Quotidiano.



Liturgia Diária- Sexta-feira das Têmporas de Setembro

Féria de 2ª Classe- Missa própria – ESTAÇÃO NA BASÍLICA DOS SS. DOZE APÓSTOLOS

DIA DE ABSTINÊNCIA

As Leituras nos convidam à penitência, e o Evangelho mostra-nos um exemplo vivo em Maria Madalena, conduzindo-nos aos pés de Jesus. Ele também a nós dará perdão e renovará a nossa mocidade (Ofertório), depois de tirar-nos o opróbrio e o desprezo (Communio). Bem motivo temos, pois, de procurar a face do Senhor e aproximar-nos do altar com o coração alegre. 


Páginas 675 a 677 do Missal Quotidiano. 


Missa às 07:30 horas na Capela Nossa Senhora de Lourdes. 


Liturgia Diária- Quarta-feira das Têmporas de Setembro

Féria de 2ª Classe- Missa própria, com comemoração de S. Lino, Papa e Mártir e S. Tecla, Virgem e Mártir – ESTAÇÃO EM S. MARIA MAIOR

DIA DE ABSTINÊNCIA RECOMENDADA

Nos países do sul da Europa, terminam neste tempo as colheitas das frutas e do vinho. Os fiéis, alegrando-se e agradecendo a Deus, ofereciam na igreja as dízimas ao Senhor. Esta prática e a lembrança das grandes festas (Ano novo, Dia de reconciliação e festa dos Tabernáculos, lembrando a saída do Egito) que se celebravam no Antigo Testamento nesta época do ano, são expressas nos textos das Leituras e Cânticos das Missas destes três dias. Aproveitemos também nós estes dias para o silêncio e a penitência. E na alegria de nosso coração, agradeçamos a Deus por seus benefícios. Como as outras Têmporas, também estas são dias de ordenações. Imploremos a Deus que envie bons obreiros à sua messe.

Sobre o santo Papa: Primeiro sucessor de S. Pedro, foi decapitado em Roma.


Páginas 670 a 675 e 1300 a 1301 do Missal Quotidiano. 


Missa às 07:30 horas na Capela Nossa Senhora de Lourdes. 


Liturgia Diária- 21/09/2019

SÃO MATEUS, Apóstolo e Evangelista

Festa de 2ª Classe- Missa própria, com comemoração do Sábado das Têmporas de Setembro

Antes de sua entrada para o Apostolado, foi publicano, e chamou-se Levi. Foi ele quem escreveu o primeiro Evangelho em língua aramaica, para os judeus. Reza a tradição que pregou na Palestina e na Etiópia, onde morreu.. 


Páginas 1295 a 1297 e 678 a 686 do Missal Quotidiano. 


Missa às 19 horas na Capela Nossa Senhora de Lourdes. 


Liturgia Diária- 20/09/2019

SEXTA-FEIRA DAS TÊMPORAS DE SETEMBRO

Féria de 2ª Classe- Missa própria, com comemoração de S. Eustáquio e seus companheiros, Mártires

As Leituras nos convidam à penitência, e o Evangelho mostra-nos um exemplo vivo em Maria Madalena, conduzindo-nos aos pés de Jesus. Ele também a nós dará perdão e renovará a nossa mocidade (Ofertório), depois de tirar-nos o opróbrio e o desprezo (Communio). Bem motivo temos, pois, de procurar a face do Senhor e aproximar-nos do altar com o coração alegre. 

Sobre os santos mártires: Oficial do imperador Trajano, Eustáquio foi martirizado com toda a sua família.


Páginas 675 a 677 e 1295 do Missal Quotidiano. 


Missa às 19 horas na Capela Nossa Senhora de Lourdes. 


Liturgia Diária- 21/09/2018

SÃO MATEUS, Apóstolo e Evangelista

Festa de 2ª Classe- Missa Própria

No momento em que Jesus chamou Mateus para O seguir, era ele um publicano, cobrador de impostos por conta dos romanos. Compreende-se o odioso duma profissão que lembrava aos judeus a sua dependência; o publicano era também considerado pelos fariseus como o tipo do pecador. Porém nada disto deteve Jesus. A narração evangélica sublinha a bondade e a magnanimidade com que cumpriu a sua missão de Salvador. 

S. Mateus é-nos, sobretudo, conhecido como evangelista. Foi ele o primeiro a pôr por escrito os ensinamentos do Senhor e a história de sua vida. Fê-lo em aramaico, a língua que falava Nosso Senhor. O nome de São Mateus encontra-se no cânon da Missa, no grupo dos apóstolos. 


SEXTA-FEIRA DAS TÊMPORAS DE SETEMBRO

Comemoração- Missa do dia com 2ªs orações próprias

O jejum penitencial, que a Igreja nos impõe, postula a conversão de coração, conversão sincera a Deus, que o profeta Oseias reclamava aos Judeus (epístola). É esta conversão que dá, com a amizade de Deus, a alegria de viver em sua presença (introito e epístola). O evangelho vem depois demonstrar até onde chega o perdão: ninguém perdoa, como Deus perdoa. Nesta véspera de ordenações, todos se devem lembrar de dar graças a Deus, por Ele continuar, por meio dos seus sacerdotes, a obra de perdão e conversão que veio realizar à terra.


Páginas 1295 a 1297 e 675 a 677 do Missal Quotidiano.


Missa na Capela Nossa Senhora de Lourdes às 18:30 horas.