Liturgia Diária- 17/09/2018

IMPRESSÃO DOS ESTIGMAS DE SÃO FRANCISCO

Comemoração- Missa de 4 de outubro, com orações e evangelho próprios e 2ªs orações da Féria

Dois anos antes de sua morte, São Francisco retirou-se para o monte Alverne, onde começou um jejum de quarenta dias em honra de São Miguel. Foi aí que, no meio de vigílias e duma incessante oração, ele viu um serafim de asas flamejantes, cujos pés e mãos estavam pregados a uma cruz, ao mesmo tempo que cinco chagas semelhantes às de Jesus, se formavam nos seus pés, mãos e lado; da chaga do lado escorria sangue. Estes estigmas foram, depois, de tal modo bem verificados, que os franciscanos lhe celebraram a memória a partir do século XIV; o papa Clemente IX, em 1669, estendeu esta festa a toda a Igreja. 

PRÓPRIO DO DIA

Introito (Gl 6,14; Sl 141,2)

Longe de mim o pensamento de me gloriar, a não ser na Cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo, por Quem o mundo está crucificado para mim e eu para o mundo. Sl. Com a minha voz clamei ao Senhor, com a minha voz implorei o seu auxílio. Glória ao Pai.

Coleta

Senhor Jesus Cristo, que no meio da indiferença do século Vos dignastes, para reacender os nossos corações no fogo da vossa caridade, gravar na carne do bem-aventurado Francisco os estigmas da vossa Paixão, concedei-nos, por seus merecimentos e intercessão, a graça de sempre levar a cruz e produzir frutos dignos de penitência. Vós que viveis e reinais. 

Coleta (da Féria)

Dai, Senhor, ao vosso povo que evite as ciladas do demônio e Vos sirva de coração puro, a Vós, seu único Deus e Senhor. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.

Epístola (Gl 6, 14-18)

Leitura da Epístola de São Paulo Apóstolo aos Gálatas. 

Irmãos, não pretendo, jamais, gloriar-me, a não ser na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo está crucificado para mim e eu para o mundo. Porque a circuncisão e a incircuncisão de nada valem, mas sim a nova criatura. A todos que seguirem esta regra, a paz e a misericórdia, assim como ao Israel de Deus. De ora em diante ninguém me moleste, porque trago em meu corpo as marcas de Jesus. A graça de nosso Senhor Jesus Cristo esteja com vosso espírito, irmãos. Amém.

Gradual (Sl 36, 30-31)

O coração do justo medita na sabedoria e a sua língua proclama o que é justo. V. Traz a lei de Deus na sua alma, e por isso os seus passos não vacilam.

Aleluia

Aleluia, aleluia. V. Francisco, que era pobre e humilde, entrou rico no Céu e foi aclamado com hinos de triunfo. Aleluia.

Evangelho (Mt 16, 24-27)


A cruz é a herança de todos os verdadeiros discípulos de Cristo, porém uma recompensa sem preço os espera. 


Sequência do Santo Evangelho segundo Mateus. 

Naquele tempo, Jesus disse a seus discípulos: Se alguém quiser vir comigo, renuncie-se a si mesmo, tome sua cruz e siga-me. Porque aquele que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á; mas aquele que tiver sacrificado a sua vida por minha causa, recobrá-la-á. Que servirá a um homem ganhar o mundo inteiro, se vem a prejudicar a sua vida? Ou que dará um homem em troca de sua vida?… Porque o Filho do Homem há de vir na glória de seu Pai com seus anjos, e então recompensará a cada um segundo suas obras.

Ofertório (Sl 88,25)

A minha verdade e a minha misericórdia estarão com ele, e em meu nome será exaltado o seu poder.

Secreta

Santificai-nos, Senhor, com este sacrifício que Vos é consagrado e, por intercessão do bem-aventurado Francisco, purificai-nos das manchas das nossas culpas. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.

Secreta (da Féria)

Suplicamos, Senhor humildemente à vossa majestade, que os sagrados mistérios que celebramos nos sirvam de expiação dos crimes passados e futuros. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.

Comunhão (Lc 12,42)

Este é o servo fiel e prudente que o Senhor colocou à frente da sua família, para a seu tempo lhe dar a ração de trigo.

Pós-comunhão

Ó Deus, que revelastes de muitos modos na pessoa do bem-aventurado Francisco, vosso confessor, os admiráveis mistérios da Cruz, dai que, imitando sempre os exemplos da sua santidade, renovemos constantemente as nossas forças com a meditação da mesma Cruz. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.

Pós-comunhão (da Féria)

Fazei, Senhor onipotente, que estes sacramentos nos lavem da lepra dos vícios e nos confiram remédios de vida eterna. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.

Comente o post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: