Liturgia Diária- 15/08/2016

FESTA DA ASSUNÇÃO DE MARIA SANTÍSSIMA

Festa de 1ª Classe- Missa Própria

Assumption of the Virgin, Juan de Valdes Leal

O Senhor só esteve três dias no sepulcro, logo ressuscitou e subiu aos Céus. A morte da Senhora mais parece como um sono breve. E é por isso que chamamos de “dormitio” dormição. Antes de a corrupção lhe poder tocar o corpo imaculado, Deus a ressuscitou-a e glorificou-a nos Céus. A dormição, ressurreição e assunção da Virgem Santíssima o tríplice objeto da festa de hoje. Não tendo o pecado penetrado nunca na sua alma puríssima, era conveniente que o seu corpo, isento de toda mancha e do qual o Verbo se dignou encarnar, não chegasse a sofrer a corrupção do túmulo.

A 1º de novembro de 1950, o Santo Padre Pio XII definiu o dogma da Assunção da Santíssima Virgem Maria. Proclamava assim solenemente que a crença segundo a qual Maria, ao fim da sua vida terrestre, foi leva em corpo e alma a glória do Céu, faz realmente parte do depósito da fé, recebido dos Apóstolos. “Bendita entre todas as mulheres”, em razão de sua maternidade divina, a Virgem Imaculada, que desde a sua conceição tivera o privilégio de ser isenta do pecado original, não devia conhecer a corrupção do túmulo.

Para evitar qualquer dado impreciso, o Papa absteve-se inteiramente de determinar o modo e as circunstâncias de tempo e lugar em que a Assunção deveria ter-se realizado: somente o fato da Assunção, em corpo e alma, à glória ao Céu, constitui objeto da definição.

Na liturgia encontra-se o culto da Assunção desde o século VI no Oriente. Em Jerusalém, comportava uma procissão ao túmulo da Virgem. Esta procissão estendeu-se a Constantinopla. Em Roma, do século VII ao XVI constituía uma das “procissões ladainhas” e tinha lugar na basílica de Santa Maria Maior.

LEITURAS/LESSONS

Leitura (Jd 13, 22-25 e 15,10)

Leitura do Livro de Judite .

O Senhor te abençoou com o seu poder, porque ele por ti aniquilou os nossos inimigos. Ozias, príncipe do povo de Israel, acrescentou: Minha filha, tu és bendita do Senhor Deus altíssimo, mais que todas as mulheres da terra. Bendito seja o Senhor, criador do céu e da terra, que te guiou para cortar a cabeça de nosso maior inimigo! Ele deu neste dia tanta glória ao teu nome, que nunca o teu louvor cessará de ser celebrado pelos homens, que se lembrarão eternamente do poder do Senhor. Ante os sofrimentos e a angústia de teu povo, não poupaste a tua vida, mas salvaste-nos da ruína, em presença de nosso Deus. Quando ela lhes veio ao encontro, abençoaram-na todos a uma só voz, dizendo: Tu és a glória de Jerusalém; Tu és a alegria de Israel, tu és a honra de nosso povo.

Evangelho (Lc 1, 41-50)

Sequência do Santo Evangelho segundo Lucas.

Naquele tempo: Isabel ficou cheia do Espírito Santo e exclamou em alta voz: Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto de teu ventre. E de onde me vem a dita de que venha até a mim a mãe do meu Senhor? Eis que, logo que me soou aos ouvidos a voz da tua saudação, exultou de alegria o menino no meu seio. Bem-aventurada aquela que acreditaste; porque se cumprirão em ti as coisas que te foram ditas da parte do Senhor. Então Maria disse: A minha alma engrandece o Senhor, e meu espírito se exulta em Deus meu Salvador. Porque olhou para a humildade de sua serva, eis que por isso me proclamarão bem-aventurada todas as gerações. Porque fez em mim grandes coisas o Onipotente, e santo é seu nome. E a sua misericórdia se estende de geração e geração sobre todos os que o temem.

In English

Lesson (Judith 13:22-25; 15:10)

Lesson from the Book of Judith.

The Lord hath blessed thee by his power, because by thee he hath brought our enemies to nought. Blessed art thou, O daughter, by the Lord the most high God, above all women upon the earth. Blessed be the Lord who made heaven and earth, who hath directed thee to the cutting off the head of the prince of our enemies. Because he hath so magnified thy name this day, that thy praise shall not depart out of the mouth of men who shall be mindful of the power of the Lord for ever, for that thou hast not spared thy life, by reason of the distress and tribulation of thy people, but hast prevented our ruin in the presence of our God. Thou art the glory of Jerusalem, thou art the joy of Israel, thou art the honour of our people.

Gospel (Luke 1:41-50)

The continuation of the Holy Gospel according to Luke. 

At that time, Elizabeth was filled with the Holy Ghost. And she cried out with a loud voice and said: “Blessed art thou among women and blessed is the fruit of thy womb. And whence is this to me that the mother of my Lord should come to me? For behold as soon as the voice of thy salutation sounded in my ears, the infant in my womb leaped for joy. And blessed art thou that hast believed, because those things shall be accomplished that were spoken to thee by the Lord.” And Mary said: “My soul doth magnify the Lord. And my spirit hath rejoiced in God my Saviour.
Because he hath regarded the humility of his handmaid: for behold from henceforth all generations shall call me blessed. Because he that is mighty hath done great things to me: and holy is his name. And his mercy is from generation unto generations, to them that fear him.”

Comente o post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: