Liturgia Diária- 21/08/2020

S. JOANA FRANCISCA FREMIOT DE CHANTAL, Viúva

Festa de 3ª Classe- Missa “Cognovi”, com orações próprias

Natural de Dijon, teve um grande amor aos pobres. Depois da morte do marido, dedicou-se à educação dos quatro filhos e à vida espiritual. Dirigida por S. Francisco de Sales, fundou a Ordem da Visitação e morreu em Moulins em 1641.


Páginas 1238, 1239 e 891 a 895 do Missal Quotidiano (D. Gaspar Lefebvre, 1963)


Missa às 07:30 horas na Capela Nossa Senhora de Lourdes.


Liturgia Diária- 21/08/2019

S. JOANA FRANCISCA FREMIOT DE CHANTAL, Viúva

Festa de 3ª Classe- Missa “Cognovi”, com orações próprias

Natural de Dijon, teve um grande amor aos pobres. Depois da morte do marido, dedicou-se à educação dos quatro filhos e à vida espiritual. Dirigida por S. Francisco de Sales, fundou a Ordem da Visitação e morreu em Moulins em 1641.


Páginas 1238, 1239 e 891 a 895 do Missal Quotidiano (D. Gaspar Lefebvre, 1963)


Hoje não haverá Missa.


Liturgia Diária- 21/08/2018

SANTA JOANA DE CHANTAL, Viúva

Festa de 3ª Classe- Missa “Cognovi”, com orações próprias

Joana Francisca Fremiót nasceu em Dijon em 1572. Unida em matrimônio com o barão de Chantal, foi esposa e mãe admirável. Viúva aos 28 anos permaneceu só para assegurar a educação dos filhos. A isso se consagrou com toda a alma, mas o encontro com São Francisco de Sales devia levá-la progressivamente a realizar os grandes desígnios que Deus tinha sobre ela; sob a doce e forte direção do santo, desprendeu-se de tudo o que no mundo podia prender-lhe a afeição, armou-se de coragem para se separar dos filhos e em 1610 fundou em Annecy a primeira casa da Visitação. As fundações multiplicaram-se rapidamente; quando a santa morreu, em 1641, a ordem estava em franco desenvolvimento. O corpo de Santa Joana de Chantal repousa na Visitação de Annecy, junto ao de São Francisco de Sales.