Liturgia Diária- 21/06/2018

SÃO LUÍS GONZAGA, Confessor e Padroeiro da Juventude

Festa de 3ª Classe- Missa Própria

São Luís Gonzaga, conhecido como Patrono dos seminaristas

“Fizeste-lo, Senhor, pouco menor que os anjos” (introito): elogio magnífico da admirável inocência e da vida angélica de São Luís Gonzaga. Tudo nele respira pureza. Batizado logo ao nascer, por correr perigo a sua vida, fez voto de virgindade aos nove anos. Aos dezesseis entrou na Companhia de Jesus em Roma, e morreu aos vinte e três anos, em 1591, vítima da sua caridade junto aos empestados. Bento XIII proclamou S.Luís Gonzada patrono e modelo dos jovens.

LEITURAS

Leitura (Eclo 31,8-11)

Leitura do livro do Eclesiástico. 

Bem-aventurado o rico que foi achado sem mácula, que não correu atrás do ouro, que não colocou sua esperança no dinheiro e nos tesouros! Quem é esse homem para que o felicitemos? Ele fez prodígios durante sua vida. Àquele que foi tentado pelo ouro e foi encontrado perfeito, está reservada uma glória eterna: ele podia transgredir a lei e não a violou; ele podia fazer o mal e não o fez. Por isso seus bens serão fortalecidos no Senhor, e toda a assembléia dos santos louvará suas esmolas.

Evangelho (Mt. 22,29-40)

Sequência do Santo Evangelho segundo Mateus. 

Respondeu-lhes Jesus: Errais, não compreendendo as Escrituras nem o poder de Deus. Na ressurreição, os homens não terão mulheres nem as mulheres, maridos; mas serão como os anjos de Deus no céu. Quanto à ressurreição dos mortos, não lestes o que Deus vos disse: Eu sou o Deus de Abraão, o Deus de Isaac e o Deus de Jacó (Ex 3,6)? Ora, ele não é Deus dos mortos, mas Deus dos vivos. E, ouvindo esta doutrina, as turbas se enchiam de grande admiração. Sabendo os fariseus que Jesus reduzira ao silêncio os saduceus, reuniram-se e um deles, doutor da lei, fez-lhe esta pergunta para pô-lo à prova: Mestre, qual é o maior mandamento da lei?  Respondeu Jesus: Amarás o Senhor teu Deus de todo teu coração, de toda tua alma e de todo teu espírito (Dt 6,5).38.Este é o maior e o primeiro mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás teu próximo como a ti mesmo (Lv 19,18). Nesses dois mandamentos se resumem toda a lei e os profetas.