Liturgia Diária- 17/11/2020

BEM-AVENTURADOS ROQUE GONZÁLEZ E SEUS COMPANHEIROS, Mártires

Festa de 3ª Classe- Missa “Salus autem” com Coleta própria e comemoração de S. Gregório Taumaturgo, Bispo e Confessor

Estes três Protomártires da Companhia de Jesus, nas regiões do Rio da Prata, eram zelosíssimos Missionários entre os povos selvagens daquelas regiões. Após longos anos de árduos trabalhos foram mortos dentro de poucos dias. Roque Gonzalez era natural do Paraguai, e seus dois Companheiros, Afonso Rodriguez e João dei Castilho, espanhóis de nascimento.


Páginas [44] a [45], 1381 a 1382 e 836 a 839 do Missal Quotidiano. 


Missa às 07:30 horas na Capela Nossa Senhora de Lourdes. 


PRÓPRIO DO DIA

Introito (Sl 36, 39 | ib., 1)

Salus autem justórum a Dómino: et protéctor eórum est in témpore tribulatiónis. Ps. Noli æmulári in malignántibus: neque zeláveris faciéntes iniquitátem. ℣. Gloria Patri  A salvação dos Justos vem do Senhor; e Ele é o seu protetor no tempo da tribulação. Ps. Não rivalizes com os maus, nem tenhas inveja dos que praticam a iniquidade. ℣. Glória ao Pai.

Coleta

Deus omnípotens, qui Beátos Mártyres tuos Rochum, Alfónsum et Joánnem strénuos Evangélii tui praecónes effecístI: concéde, quaésumus; ut quam ipsi fidem verbo et sánguine propagárunt, eámdem et nos móribus ac língua fateámur. Per D.N. Ó Deus onipotente, que fizestes os vossos bem-aventurados Mártires Roco, Afonso e João, fervorosos pregadores do Evangelho, concedei, Vos rogamos, que professemos pela palavra e pelos atos essa mesma fé que eles propagaram ensinando e derramando o seu sangue. Por N. S.

2ª Coleta (de S. Gregório)

Da, quaésumus, omnípotens Deus: ut beáti Gregórius Confessóris tui atque Pontíficis veneránda solémnitas, et devotiónem nobis áugeat et salútem. Per D.N. Concedei, nós Vos rogamos, ó Deus onipotente, que a venerável solenidade de S. Gregório, vosso Confessor e Pontífice, aumente em nós a devoção e a salvação. Por N. S.

Epístola (Heb 10,32-38)

Léctio Epístolæ beáti Pauli Apóstoli ad Hebros. 

Fratres: Rememorámini prístinos dies, in quibus illumináti magnum certámen sustinuístis passiónum: et in áltero quidem oppróbriis, et tribulatiónibus spectáculum facti: in áltero autem sócii táliter conversántium effécti. Nam et vinctis compássi estis, et rapínam honórum vestrórum cum gáudio suscepístis, cognoscéntes vos habére meliórem, et manáéntem substántiam. Nolíte itaque amíttere confidéntiam vestram, quæ magnam habet remuneratiónem. Patiéntia enim vobis necessária est: ut voluntátem Dei faciéntes, reportétis promissiónem. Adhuc enim módicum aliquántulum, qui ventúrus est, véniet, et non tardábit. Justus autem meus ex fide vivit. 

Leitura do Livro do Apocalipse de São João. 

Irmãos: Lembrai-vos dos dias passados, nos quais depois de terdes recebido as luzes da fé sofrestes grandes tormentos: algumas vezes, expostos como em espetáculo, aos opróbrios e tribulações; outras, tomando parte nos sofrimentos daqueles que eram assim tratados. Tivestes compaixão dos encarcerados, e recebestes com alegria a perda de vossos bens, sabendo que tendes um patrimônio melhor e mais duradouro. Não queirais, pois, perder a vossa confiança que tem uma grande recompensa, porquanto vos é necessária a paciência, para que, fazendo e vontade de Deus, alcanceis o prêmio prometido. Porque, com mais um pouquinho de tempo, O que há de vir virá, e sem tardança. Ora, o meu Justo vive da fé.

Gradual (Sl 33, 18-19)

Clamavérunt justi, et Dóminus exaudívit eos: et ex ómnibus tribulatiónibus eórum liberávit eos. ℣. Juxta est Dóminus his, qui tribuláto sunt corde, et húmiles spíritu salvábit.

Allelúia, allelúia. ℣. Te Mártyrum candidátus laudat exércitus, Dómine. Allelúia.

Os Justos clamaram; e o Senhor os ouviu, e os livrou de todas as suas aflições. ℣. O Senhor está perto dos que têm o coração atribulado, e salvará os humildes de espírito.

Aleluia, aleluia. ℣. O luminoso exército dos Mártires Vos louva, ó Senhor. Aleluia.

Evangelho (Lc 12, 1-8)

Sequéntia sancti Evangélii secúndum Lucam. 

In illo témpore: Dixit Jesus discípulis suis: “Atténdite a ferménto pharisæórum, quod est hypócrisis. Nihil autem opértam est, quod non revelétur: neque abscónditum, quod non sciátur. Quóniam, quæ in ténebris dixístis in lúmine dicéntur: et quod in aurem locúti estis in cubículis, prædicábitur in tectis. Dico autem vobis amícis meis: Ne terrámini ab his, qui occídunt corpus, et post hæc non habent ámplius quid fáciant. Osténdam autem vobis quem timeátis: timéte eum qui, postquam occíderet, habet potestátem míttere in gehénnam. Ita dico vobis: hunc timéte. Nonne quinque pásseres véneunt dipóndio, et unus ex illis non est in oblivióne coram Deo? Sed et capílli cápitis vestri omnes numeráti sunt. Nolíte ergo timére: multis passéribus pluris estis vos. Dico autem vobis: Omnis quicúmque conféssus fúerit me coram homínibus, et Fílius hóminis confitébitur illum coram Angelis Dei.”

Sequência do Santo Evangelho segundo Lucas.

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: Guardai-vos do fermento dos fariseus, que é hipocrisia. Porque nada há tão oculto que se não venha a descobrir, e nada escondido, que se mão venha a saber. Por isso as coisas que dissestes nas trevas, serão ditas às claras: e o que falastes ao ouvido, no recôndito de vossos cubículos, será apregoado de cima dos tetos. Digo-vos, porém, a vós, que sois meus amigos: Não tenhais medo daqueles que matam o corpo, e depois nada mais podem fazer. Eu vos mostrarei entretanto a quem haveis de temer: temei Aquele, que depois de matar, tem poder de lançar no inferno. Sim, eu vos digo, temei a Este. Porventura não se vendem cinco passarinhos por dois vinténs? E todavia, nem um só deles está em esquecimento diante de Deus. Até mesmo os cabelos de vossa cabeça estão todos contados. Não temais, pois vós valeis mais que muitos pássaros. Ora, eu vos digo: Todo aquele que me confessar diante dos homens, também o Filho do homem o confessará diante dos Anjos de Deus.

Ofertório (Sab 3,1-3)

Justórum ánimæ in manu Dei sunt, et non tanget illos torméntum malítiæ: visi sunt óculis insipiéntium mori, illi autem sunt in pace, allelúia. As almas dos Justos estão nas mãos de Deus, e o tormento dos maus não os atingirá. Aos olhos dos insensatos pareciam quase a morrer: todavia estão em paz. Aleluia.

Secreta

Oblátis, quaésumus, Domine, placáre munéribus: et, intercedéntibus beátis Martýribus tuis tuis Rocho, Alphónso et Joánne, a cunctis nos defénde perículis. Per D.N. Aplacai-Vos, Senhor, com os dons que Vos oferecemos, e por intercessão de vossos bem-aventurados Mártires Roque, Afonso e João, defendei-nos de todos os perigos.  Por N. S.

2ª Secreta (de S. Gregório)

Sanctí tui, quásumus, Domine, nos ubíque laetíficent: ut, dum eórum mérita recólimus, patrocínia sentiámus. Per D.N. Nós Vos suplicamos, Senhor, que os vossos Santos nos alegrem em todo o lugar a fim de que, recordando os seus méritos, sintamos sua proteçãoPor N. S.

Comunhão (Mt 10, 27)

Quod dico vobis in tenébris, dícite in lúmine, dicit Dóminus: et quod in aure audítis, prædicáte super tecta. O que eu vos digo nas trevas, dizei-o à luz do dia, diz o Senhor; e o que vos é dito ao ouvido, pregai-o de cima dos tetos.

Pós-comunhão

Haec nos commúnio, Domine, purget a crimine: et, intercedéntibus beátis Martýribus tuis Rocho, Alphónso et Joánne, caeléstis remédii fáciat esse consortes.  Per D. N. Esta Comunhão, Senhor, nos purifique de nossos crimes e por intercessão de vossos bem-aventurados Mártires Roque, Afonso e João, nos faça participar do remédio celestial. Por N. S.

2ª Pós-comunhão (de S. Gregório)

Presta, quáesumus, omnípotens Deus: ut, de percéptís munéribus grátías exhíbéntes, íntercedénte beáto Gregórius Confessóre tuo atque Pontífice, beneficia potíóra sumámusPer D. N. Fazei, nós Vos rogamos, ó Deus onipotente, que rendendo graças pelos dons recebidos, por intercessão de S. Gregório, vosso Confessor e Pontífice, alcancemos benefícios ainda maiores. Por N. S.

* Traduções e comentário principal do Missal de D. Beda Keicksen (1947).

Comente o post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: