Liturgia Diária- Domingo de Pentecostes

Domingo de 1ª Classe- Missa Própria- Estação em S. Pedro

Na igreja do Apóstolo que primeiro explicou o Mistério deste dia, na basílica de S. Pedro, hoje nos reunimos. No altar, que é obra do Espirito Santo, se vai repetir, por todos os tempos e em todo o orbe (Introito), o que aconteceu naquele memorável dia de Pentecostes, de que fala a Epístola. Imploramos para nós a mesma graça, no Gradual e na Sequencia. No Evangelho, Jesus nos promete a realização deste desejo, que se cumprira no Santo Sacrifício. Unindo-nos ao Filho de Deus virá também habitar em nós o Divino Espírito Santo (Communio). Cheios desse Espírito Divino falaremos também nós das grandezas de Deus. Lembremo-nos que, neste dia, nasceu a Igreja e com ela nasceu igualmente o Apostolado ou a Ação Católica. A força, o amor fervoroso do Divino Espírito Santo nos deve animar e fazer de nós, Sacerdotes, Soldados e Apóstolos do Reino de Deus.


Páginas 542 a 549 do Missal Quotidiano (D. Gaspar Lefebvre, 1963)


PRÓPRIO DO DIA

Introito (Sl 26, 7, 8 e 9 | ib., 1) (Áudio)

Spíritus Dómini replévit orbem terrárum, allelúia: et hoc quod cóntinet ómnia, sciéntiam habet vocis, allelúia, allelúia, allelúia. Ps. Exsúrgat Deus, et dissipéntur inimíci eius: et fúgiant, qui odérunt eum, a fácie eius. ℣. Glória Patri… O Espírito do Senhor encheu todo o universo, aleluia. É Ele que contém todas as coisas, e tem a ciência da palavra, aleluia, aleluia, aleluia. Sl. Levante-se Deus, e sejam dispersos os seus inimigos; e fujam de sua Face os que O odeiam. ℣. Glória ao Pai…

Coleta

Deus, qui hodiérna die corda fidélium Sancti Spíritus illustratióne docuísti: da nobis in eódem Spíritu recta sápere; et de eius semper consolatióne gaudére. Per D.N. Ó Deus, que (neste dia) esclarecestes os corações dos fiéis com as luzes do Espírito Santo, concedei-nos a graça de amarmos neste mesmo Espírito o que é reto e de sempre nos alegrarmos com sua consolação. Por N. S… em união com o mesmo Espírito Santo.

Epístola (At 2, 1-11)

Léctio Actuum Apostolórum.

Cum compleréntur dies Pentecóstes, erant omnes discípuli pariter in eódem loco: et factus est repénte de cœlo sonus, tamquam adveniéntis spíritus veheméntis: et replévit totam domum, ubi erant sedentes. Et apparuérunt illis dispertítæ linguæ tamquam ignis, sedítque supra síngulos eórum: et repléti sunt omnes Spíritu Sancto, et cœpérunt loqui váriis linguis, prout Spíritus Sanctus dabat éloqui illis. Erant autem in Ierúsalem habitántes Iudǽi, viri religiósi ex omni natióne, quæ sub cœlo est. Facta autem hac voce, convénit multitúdo, et mente confúsa est, quóniam audiébat unusquísque lingua sua illos loquéntes. Stupébant autem omnes et mirabántur, dicéntes: Nonne ecce omnes isti, qui loquúntur, Galilǽi sunt? Et quómodo nos audívimus unusquísque linguam nostram, in qua nati sumus? Parthi et Medi et Ælamítæ et qui hábitant Mesopotámiam, Iudǽam et Cappadóciam, Pontum et Asiam, Phrýgiam et Pamphýliam, Ægýptum et partes Líbyæ, quæ est circa Cyrénen, et ádvenæ Románi, Iudǽi quoque et Prosélyti, Cretes et Arabes: audívimus eos loquéntes nostris linguis magnália Dei.

Leitura dos Atos dos Apóstolos.

Quando chegou o dia de Pentecostes, estavam todos os discípulos reunidos no mesmo lugar De repente veio do céu um ruído, como de vento que soprava impetuoso, e encheu toda a casa, onde estavam sentados. E apareceram-lhes destacadas línguas como de fogo, pousando sobre cada um deles. Ficaram todos cheios do Espírito Santo, e começaram a falar em várias línguas, conforme o Espírito Santo os impelia a se exprimirem. Havia então em Jerusalém, judeus, homens religiosos que aí habitavam de todas as nações que existem sob o céu. Ouvindo-se este ruído ajuntou-se muita gente; e ficaram todos assustados porque cada um os ouvia falar em sua própria língua. E todos pasmavam e se maravilhavam, dizendo: Porventura não são Galileus todos estes que estão falando? Como é que os ouvimos falar em nossa língua materna? Nós, Partos, Medos, Elamitas e os que habitam a Mesopotâmia, a Judeia e a Capadócia, o Ponto e a Ásia, a Frigia e a Panfília, o Egito e várias partes da Líbia, próximas de Cirene, e os vindos de Roma, tanto judeus como prosélitos, Cretenses e Árabes, os ouvimos pronunciar em nossas línguas as grandezas de Deus.

Aleluia (Sl 103, 30 | – ) (Vídeo-1)  (Vídeo-2)

Allelúia, allelúia. ℣. Emítte Spíritum tuum, et creabúntur, et renovábis fáciem terræ. Allelúia. (Hic genuflectitur) ℣. Veni, Sancte Spíritus, reple tuórum corda fidélium: et tui amóris in eis ignem accénde.

Aleluia, aleluia. ℣. Enviai o vosso Espírito, é surgirão criaturas e renovareis a face da terra. Aleluia. (Aqui todos se ajoelham.) ℣. Vinde, Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis, e acendei neles o fogo de vosso Amor.

Sequência (Áudio)

Veni, Sancte Spíritus,
et emítte cǽlitus
lucis tuæ rádium.

Veni, pater páuperum;
veni, dator múnerum;
veni, lumen córdium.

Consolátor óptime,
dulcis hospes ánimæ,
dulce refrigérium.

In labóre réquies,
in æstu tempéries,
in fletu solácium.

O lux beatíssima,
reple cordis íntima
tuórum fidélium.

Sine tuo númine
nihil est in hómine,
nihil est innóxium.

Lava quod est sórdidum,
riga quod est áridum,
sana quod est sáucium.

Flecte quod est rígidum,
fove quod est frígidum,
rege quod est dévium.

Da tuis fidélibus,
in te confidéntibus,
sacrum septenárium.

Da virtútis méritum,
da salútis éxitum,
da perénne gáudium.

Amen. Allelúia.

Vinde, Santo Espírito,
Emiti um raio
Da celeste luz.Vinde, Pai dos pobres,
Doador das graças,
Luz dos corações.Consolador nosso,
Hóspede da alma,
Doce refrigério.No labor repouso,
Na aflição sois gozo,
No calor, aragem.

Ó luz abençoada,
O íntimo enchei
Dos vossos fiéis.

Sem a vossa força,
Não há nada no homem,
Nada de inocente.

Ao sujo lavai,
Ao seco regai,
Curai o doente.

Envergai o rígido,
Aquecei o frígido,
Conduzi o errante.

Dai aos vossos filhos,
Que em Vós confiam,
Vossos sete dons.

Dai-lhes a virtude,
A imortal saúde,
O perene gáudio.

Amen. Aleluia.

Evangelho (Jo 14, 23-31)

Sequéntia sancti Evangélii secúndum Joánnem.

In illo témpore: Dixit Iesus discípulis suis: Si quis díligit me, sermónem meum servábit, et Pater meus díliget eum, et ad eum veniémus et mansiónem apud eum faciémus: qui non díligit me, sermónes meos non servat. Et sermónem quem audístis, non est meus: sed eius, qui misit me, Patris. Hæc locútus sum vobis, apud vos manens. Paráclitus autem Spíritus Sanctus, quem mittet Pater in nómine meo, ille vos docébit ómnia et súggeret vobis ómnia, quæcúmque díxero vobis. Pacem relínquo vobis, pacem meam do vobis: non quómodo mundus dat, ego do vobis. Non turbétur cor vestrum neque formídet. Audístis, quia ego dixi vobis: Vado et vénio ad vos. Si diligerétis me, gauderétis útique, quia vado ad Patrem: quia Pater maior me est. Et nunc dixi vobis, priúsquam fiat: ut, cum factum fúerit, credátis. Iam non multa loquar vobíscum. Venit enim princeps mundi huius, et in me non habet quidquam. Sed ut cognóscat mundus, quia díligo Patrem, et sicut mandátum dedit mihi Pater, sic fácio. — CREDO…

Sequência do Santo Evangelho segundo João.

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará e viremos a ele e nele faremos morada. Quem não me ama, não guarda as minhas palavras. A palavra que ouvis não é doutrina minha, mas de meu Pai, que me enviou. Estas coisas vos tenho dito, permanecendo convosco. Mas o Consolador, o Espírito Santo, que o Pai há de enviar em meu Nome, vos ensinará tudo, e vos fará lembrar tudo quanto vos tenho dito. A paz vos deixo; a minha paz vos dou. Não vola dou, como o mundo vo-la dá. Não se turbe o vosso coração, nem se assuste. Ouvistes o que eu vos disse: Vou e volto a vós. Se me amásseis, certamente vos alegraríeis de eu ir para o Pai, porque o Pai é maior do que eu. Eu vo-lo disse agora, antes que isso suceda, para que, quando acontecer, tenhais fé. Já não falarei muito convosco, porque vem o príncipe deste mundo. Em mim não terá parte alguma. Mas é para que o mundo conheça que amo o Pai, e que faço assim como meu Pai me ordenou. — CREIO…

Ofertório (Sl 46, 6) (Vídeo)

Confírma hoc, Deus, quod operátus es in nobis: a templo tuo, quod est in Ierúsalem, tibi ófferent reges múnera, allelúia. Confirmai, ó Deus, o que em nós operastes, do vosso templo, que está em Jerusalém. Os reis Vos oferecem presentes, aleluia.

Secreta

Múnera, quǽsumus, Dómine, obláta sanctífica: et corda nostra Sancti Spíritus illustratióne emúnda. Per D. N… in unitáte ejúsdem Spíritus Sancti. Santificai, Senhor Vos suplicamos, os dons que Vos oferecemos, e purificai os nossos corações com a Luz do Santo Espírito.  Por N. S… em união com o mesmo Espírito Santo.

Prefácio (de Pentecostes)

℣. Dóminus vobíscum.
℞. Et cum spíritu tuo.
℣. Sursum corda.
℞. Habémus ad Dóminum.
℣. Grátias agámus Dómino Deo nostro.
℞. Dignum et iustum est.
.
Vere dignum et iustum est, æquum et salutáre, nos tibi semper et ubíque grátias ágere: Dómine sancte, Pater omnípotens, ætérne Deus: per Christum, Dóminum nostrum. Qui, ascéndens super omnes coelos sedénsque ad déxteram tuam, promíssum Spíritum Sanctum hodierna die in fílios adoptiónis effúdit. Quaprópter profúsis gáudiis totus in orbe terrárum mundus exsúltat. Sed et supérnæ Virtútes atque angélicæ Potestátes hymnum glóriæ tuæ cóncinunt, sine fine dicéntes: Sanctus, Sanctus, Sanctus…
℣. O Senhor seja convosco.
℞. E com o vosso espírito,
℣. Para o alto os corações.
℞. Já os temos para o Senhor,
℣. Demos graças ao Senhor, nosso Deus.
℞. É digno e justo.
.
Verdadeiramente é digno e justo, razoável e salutar que, sempre e em todo o lugar, Vos demos graças, ó Senhor santo, Pai onipotente, eterno Deus, por Jesus Cristo Nosso Senhor. Ele, subindo ao mais alto dos céus, e estando assentado à vossa direita, fez descer (hoje) sobre os vossos filhos adotivos, o Espírito Santo que lhes prometera. Por isso o mundo inteiro exulta com imenso gozo, enquanto as sublimes Virtudes e as Potestades angélicas entoam o hino de vossa glória, dizendo sem fim: Santo, Santo, Santo…

Comunhão (At 2, 2 e 4) (Áudio)

Factus est repénte de cœlo sonus, tamquam adveniéntis spíritus veheméntis, ubi erant sedéntes, allelúia: et repléti sunt omnes Spíritu Sancto, loquéntes magnália Dei, allelúia, allelúia. De repente, no lugar em que estavam sentados, veio do céu um ruído semelhante a um vento impetuoso, aleluia. E ficaram todos cheios do Espírito Santo, anunciando as maravilhas de Deus, aleluia, aleluia.

Pós-comunhão

Sancti Spíritus, Dómine, corda nostra mundet infúsio: et sui roris íntima aspersióne fecúndet. Per D.N… in unitate eiusdem Spiritus Sancti Deus. Fazei, Senhor, que a efusão do Espírito Santo purifique os nossos corações e os fecunde por uma íntima aspersão de seu orvalho. Por N. S… em união com o mesmo Espírito Santo.


Traduções e comentários extraídos do Missal Quotidiano de D. Beda (1962).

Comente o post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: