Liturgia Diária- 02/10/2018

SANTOS ANJOS DA GUARDA

Festa de 3ª Classe- Missa Própria

Aos seus Anjos ordenou Deus que nos guardassem e protegessem no caminho para a eternidade. Eles nos guiam, nos afastam do mal e dos perigos e nos inspiram os bons desejos. Hoje nós lhes agradecemos a proteção e com eles louvamos a Deus (Cânticos).


PRÓPRIO DO DIA

Introito (Sl 102, 20.1)

Benedícite Dóminum, omnes Angeli ejus: poténtes virtúte, qui fácitis verbum ejus, ad audiéndam vocem sermónem ejus. (Ps.102: 1) Bénedic, ánima mea, Dómino: et ómnia, quæ intra me sunt, nómini sancto ejus. V. Gloria Patri. Bendizei ao Senhor, vós, todos os seus Anjos, poderosos em força que cumpris as suas ordens,
logo que ouvis a sua palavra. Sl. Bendiz, ó minha
alma, ao Senhor, e tudo que há dentro de mim bendiga o seu santo Nome. V. Glória ao Pai.

Coleta

Deus, qui ineffábili providéntia sanctos Angelos tuos ad nostram custódiam míttere dignáris: largíre supplícibus tuis; et eórum semper protectióne deféndi et ætérna societáte gaudére. Per D. N. Ó Deus, que por inefável providência
Vos dignais enviar vossos santos Anjos para nossa guarda, concedei aos que Vos suplicam, sejamos sempre defendidos por sua proteção e possamos gozar eternamente da sua companhia. Por N. S.

Epístola (Ex 23, 20-23)

Léctio líbri Exodi.

Hæc dicit Dóminus Deus: Ecce ego mittam Angelum meum qui præcédat te, et custódiat in via, et introdúcat in locum, quem parávi. Obsérva eum, et audi vocem ejus, nec contemnéndum putes: quia non dimíttet cum peccáveris, et est nomen meum in illo. Quod si audíeris vocem ejus, et féceris ómnia, quæ loquor, inimícus ero inimícis tuis, et aftlígam affligéntes te: præcedétque te Angelus meus.

Leitura do Livro do Êxodo. 

Assim diz o Senhor Deus: Eis que enviarei o meu Anjo: ele te precederá e te protegerá no caminho e te introduzirá no lugar que eu te preparei. Respeita-o e escuta a sua voz, e livra-te de o desprezar porque ele não te perdoará quando pecares e nele o meu nome está. Se escutas a sua voz e fazes o que eu te digo, eu serei o inimigo dos teus inimigos e afligirei os que te afligem, pois o meu Anjo caminha adiante de ti.

Gradual (Sl 90, 11-12)

Angelis suis Deus mandávit de te, ut custódiant te in ómnibus viis tuis. V.In mánibus portábunt te, ne umquam offéndas ad lápidem pedem tuum.  Aos seus Anjos Deus ordenou que te guardassem, em todos os teus caminhos. V. Eles te conduzirão nas mãos para que o teu pé não se fira, encontrando alguma pedra.

Aleluia (Sl. 102, 21) 

Allelúia, allelúia. V. Benedícite Dómino, omnes virtútes ejus: minístri ejus, qui fácitis voluntátem ejus. Allelúia. Aleluia, aleluia. V. Bendizei ao Senhor, vós, todos os seus exércitos, e vós, seus servos, que cumpris a sua vontade. Aleluia

Evangelho (Mt 18,1-10)

A vida divina em nós é duma grandeza de tal ordem que ultrapassa todas as outras. É dum tal valor que tudo devemos sacrificar por ela. O próprio Deus delega anjos para a nossa guarda. 

Sequéntia sancti Evangélii secúndum Mattaeum. 

In illo témpore: Accessérunt discípuli ad Jesum, dicéntes: Quis, putas, major est in regno coelórum? Et ádvocans Jesus párvulum, státuit eum in médio eórum, et dixit: “Amen, dico vobis, nisi convérsi fuéritis, et efficiámini sicut párvuli, non intrábitis in regnum coelórum. Quicúmque ergo humiliáverit se sicut párvulus iste, hic est major in regno cælórum. Et qui suscéperit unum párvulum talem in nómine meo, me súscipit. Qui autem scandalizáverit unum de pusíllis istis, qui in me credunt, expedit eì, ut suspendátur mola asinária in collo ejus, et demergátur in profúndum maris. Væ mundo a scándalis. Necésse est enim ut véniant scándala: verúmtamen væ hómini illi, per quem scándalum venit. Si autem manus tua, vel pes tuus scandalízat te, abscíde eum, et prójice abs te: bonum tibi est ad vitam ingredi débilem, vel claudum, quam duas manus, vel duos pedes habéntem mitti in ignem ætérnum. Et si óculos tuus scandalízat te, érue eum, et prójice abs te:bonum tibi est cum uno óculo in vitam intráre, quam duos óculos habéntem mitti in gehénnam ignis. Vidéte ne contemnátis unum ex his pusíllis: dico enim vobis, quia Angeli eórum in coelis semper vident fáciem Patris mei, qui in coelis est.

Sequência do Santo Evangelho segundo Mateus.

Naquele tempo, chegaram-se a Jesus os discípulos com esta pergunta: Quem é maior no reino dos céus? Jesus, chamando uma criança, colocou-a no meio deles e disse: Em verdade vos digo: se não vos converterdes e não vos tornardes como as crianças, não entrareis no Reino dos céus. Portanto quem se tornar humilde como esta criança, este é o maior no Reino do céu. Quem acolher, em meu Nome, uma criança assim, a mim é que acolhe. Mas quem escandalizar um desses pequeninos que em mim creem, melhor lhe fora
que suspendesse a mó de um moinho ao pescoço e se lançasse nas profundezas do mar. Aí do mundo por causa dos escândalos ! É inevitável que venham escândalos, mas aí do homem por quem eles vierem.
Se tua mão e teu pé te forem ocasião de pecado, corta-os e lança-os longe de ti! Melhor te é entrares na vida manco e aleijado do que, tendo duas mãos ou dois pés, seres lançado ao fogo eterno. Se tua vista
for ocasião de pecado, arranca-a e lança-a longe de ti; melhor te é entrares na vida com um só olho do que com dois seres lançado ao fogo do inferno. Vede que não desprezeis a nenhum desses pequeninos! Porque vos digo: seus Anjos contemplam sem cessar a face de meu Pai, que está nos céus.

Ofertório (Sl 102, 20-21)

Benedícite Dóminum, omnes Angeli ejus: minístri ejus, qui fácitis verbum ejus, ad audiéndam vocem sermónum ejus. Bendizei ao Senhor, vós, todos os seus Anjos, os que O servem cumprindo as suas ordens logo que ouvem a sua
palavra.

Secreta

Súscipe, Dómine, múnera, quæ pro sanctórum Angelórum tuórum veneratióne deférimus: et concéde propítius; ut perpétuis eórum præsesídiis a praséntibus perículis liberémur et ad vitam perveniámus ætérnam. Per D. N. Aceitai, Senhor, as dádivas que Vos oferecemos em honra de vossos santos Anjos e concedei-nos, propício, que por
sua constante proteção sejamos livres dos perigos presentes e mereçamos alcançar a vida eterna. Por N. S.

Comunhão (Dn 3,58)

Benedícite, omnes Angeli Dómini, Dóminum: hymnum dícite, et superexaltáte eum in sæcula, allelúia. Bendizei ao Senhor, vós, Anjos todos do Senhor; cantai-Lhe um hino e enaltecei-O para sempre.

Pós-comunhão

Súmpsimus, Dómine, divína mystéria, sanctórum Angelórum tuórum festivitáte lætántes: quæsumus: ut eórum protectióne ab hóstium júgiter liberémur insídiis et contra ómnia advérsa muniámur. Per D.N. Recebemos, Senhor, os divinos Mistérios, alegrando-nos com a festividade de vossos santos Anjos e Vos pedimos que, por sua pregação sejamos livres das perseguições do inimigo e defendidos contra todas as adversidades. Por N. S.

Tradução e comentário inicial do Missal Quotidiano de D. Beda Keickesen (1962). Comentários nas leituras do Missal de D. Gaspar Lefebvre (1963).

Comente o post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: