Liturgia Diária- 24/08/2020

S. BARTOLOMEU, Apóstolo

Festa de 2ª Classe- Missa própria

Bartolomeu ou Natanael é aquele verdadeiro Israelita de que fala o Evangelho de S. João. Jesus o escolheu para as fileiras dos Apóstolos (Evangelho). Ele Lhe foi fiel até a morte. (Communio) .


Páginas 1245 a 1248 do Missal Quotidiano (D. Gaspar Lefebvre, 1963)


Missa às 07:30 horas na Capela Nossa Senhora de Lourdes.


PRÓPRIO DO DIA

Introito (Sl 138, 17 | ib., 1-2)

Mihi autem nimis bonoráti sunt amíci tui, Deus: nimis confortátus est principátus eórum. Ps. Dómine, probásti me et cognovísti me: tu cognovísti sessiónem meam ei resurrectiónem meam. ℣. Glória Patri… Tenho em grande estima os vossos amigos, ó Deus; muito se fortaleceu o seu poder. Sl. Senhor, Vós me provais e me conheceis; Vós sabeis a minha morte e a minha ressurreição. ℣. Glória ao Pai…

Coleta

Omnípotens sempitérne Deus, qui huius diei venerándam sanctámque lætítiam in beáti Apóstoli tui Bartholomæi festivitáte tribuísti: da Ecclésiæ tuæ, quǽsumus; et amáre quod crédidit, et prædicáre quod dócuit. Per D.N. Ó Deus onipotente e eterno, que nos proporcionais neste dia uma religiosa e santa alegria, celebrando a festividade de vosso Apóstolo S. Bartolomeu, concedei à vossa Igreja a graça de amar o que ele creu e de pregar o que ele ensinou. Por N. S.

Epístola (I Cor 12, 27-31)

Léctio Epístolæ beáti Pauli Apóstoli ad Corinthios.

Fratres: Vos estis corpus Christi et membra de membro. Et quosdam quidem pósuit Deus in Ecclésia primum apóstolos, secúndo prophetas, tertio doctores, deinde virtútes, exinde grátias curationum, opitulatiónes, gubernatiónes, genera linguarum, interpretatiónes sermonum. Numquid omnes apóstoli? numquid omnes prophétæ? numquid omnes doctóres? numquid omnes virtútes? numquid omnes grátiam habent curationum? numquid omnes linguis loquúntur? numquid omnes interpretántur? Æmulámini autem charísmata melióra.

Leitura da Epístola de São Paulo Apóstolo aos Coríntios.

Irmãos: Vós sois o Corpo do Cristo e cada um,membro d’Ele. Assim Deus estabeleceu na Igreja, primeiramente os Apóstolos, em segundo lugar os Profetas e em terceiro os Doutores; depois os que fazem milagres, os que têm o dom de curar, de assistir, de governar, de falar diversas línguas, de interpretar as revelações. Porventura, são Apóstolos todos eles? Todos, Profetas? Todos, Doutores? Acaso, todos fazem milagres? Têm todos o poder de curar enfermidades? Falam todos várias línguas? Têm todos o dom de as interpretar? Aspirai, vós, aos melhores dons.

Gradual (Sl 44, 17-18 | -)

Constítues eos príncipes super omnem terram: mémores erunt nóminis tui. Dómine. ℣. Pro pátribus tuis nati sunt tibi fílii: proptérea pópuli confitebúntur tibi.

Allelúia, allelúia. ℣. Te gloriósus Apostolórum chorus laudat, Dómine. Allelúia.

Vós os estabeleceis príncipes sobre toda a terra; e eles, Senhor, se lembrarão de vosso Nome. ℣. Em lugar de vossos pais vos nascerão filhos; por isso, os povos Vos louvarão.

Aleluia, aleluia. ℣. A Vós, Senhor, louva o glorioso coro dos Apóstolos. Aleluia.

Evangelho (Lc 6, 12-19)

Sequéntia sancti Evangélii secúndum Lucam.

In illo témpore: Exiit Iesus in montem oráre, et erat pernóctans in oratióne Dei. Et cum dies factus esset, vocavit discípulos suos, et elégit duódecim ex ipsis – quos et Apóstolos nominávit -: Simónem, quem cognominávit Petrum, et Andream fratrem eius, Iacóbum et Ioánnem, Philíppum et Bartholomæum, Matthǽum et Thomam, Iacóbum Alphæi et Simónem, qui vocátur Zelótes, et Iudam Iacóbi, et Iudam Iscariótem, qui fuit próditor. Et descéndens cum illis, stetit in loco campéstri, et turba discipulórum eius, et multitúdo copiósa plebis ab omni Iudæa, et Ierúsalem, et marítima, et Tyri, et Sidónis, qui vénerant, ut audírent eum et sanaréntur a languóribus suis. Et, qui vexabántur a spirítibus immúndis, curabántur. Et omnis turba quærébat eum tángere: quia virtus de illo exíbat, et sanábat omnes. — CREDO…

Sequência do Santo Evangelho segundo Lucas.

Naquele tempo, subiu Jesus a um monte a orar e ali passou a noite em oração a Deus. Quando foi dia, chamou os seus discípulos e escolheu doze, dentre eles (aos quais chamou Apóstolos): Simão a quem deu o nome de Pedro, e André, seu irmão, Tiago e João, Filipe e Bartolomeu, Mateus e Tomé, Tiago, filho de Alfeu e Simão, chamado o Zelador, Judas, irmão de Tiago, e Judas Iscariotes que foi o traidor. Depois, descendo com eles, parou em uma planície com grande número de seus discípulos e muita gente de toda a Judeia e Jerusalém, da região marítima de Tiro e de Sidon, que tinham vindo para O ouvir e serem curados de suas enfermidades. Também os que eram atormentados por espíritos imundos, foram curados. E procurava todo o povo tocar em Jesus, porque saía d’Ele uma fôrça e curava a todos. — CREIO…

Ofertório (Sl 138, 17)

Mihi autem nimis honoráti sunt amíci tui, Deus: nimis confortátus est principátus eórum.

Tenho em grande estima os vossos amigos, ó Deus; muito se fortaleceu o seu poder.

Secreta

Beáti Apóstoli tui Bartholomæi sollémnia recenséntes, quǽsumus, Dómine: ut eius auxílio tua benefícia capiámus, pro quo tibi laudis hóstias immolámus. Per D.N. Nós Vos suplicamos, Senhor, que, celebrando a festa de vosso Apóstolo S. Bartolomeu, alcancemos vossos benefícios pelo auxílio daquele em cuja honra Vos oferecemos estas hóstias de louvor. Por N.S.

Prefácio (dos Apóstolos)

℣. Dóminus vobíscum.
℞. Et cum spíritu tuo.
℣. Sursum corda.
℞. Habémus ad Dóminum.
℣. Grátias agámus Dómino Deo nostro.
℞. Dignum et iustum est.
.
Vere dignum et justum est, æqum et salutáre, Te Dómine supplicíter exoráre, ut gregem tuum pastor ætérne, non déseras: sed per beátos Apóstolos tuos contínua protectióne custódias. Ut iísdem rectóribus gubernétur, quos óperis tui vicários eídem contulísti præésse pastóres. Et ídeo cum Angelis et Archángelis, cum Thronis et Dóminatiónibus, cumque omni milítia coeléstis exércitus, hymnum glóriæ tuæ cánimus sine fine dicéntes: Sanctus, Sanctus, Sanctus…
℣. O Senhor seja convosco.
℞. E com o vosso espírito,
℣. Para o alto os corações.
℞. Já os temos para o Senhor,
℣. Demos graças ao Senhor, nosso Deus.
℞. É digno e justo.
.
Verdadeiramente é digno e justo, razoável e salutar, suplicar-Vos humildemente, Senhor, que, como pastor eterno, não abandoneis o vosso rebanho, mas antes por intercessão de vossos bem-aventurados Apóstolos, o guardeis sob a vossa contínua proteção, para que seja dirigido pelos mesmos guias, que, encarregados como vigários de perpetuar a vossa obra, quisestes o governassem como pastores. E por isso, com os Anjos e os Arcanjos, com os Tronos e as Dominações, e com todo o exército da milícia celestial, cantamos hinos à vossa glória, dizendo sem fim: Santo, Santo, Santo…

Comunhão (Mt 19, 28)

Vos, qui secúti estis me, sedébitis super sedes, iudicántes duódecim tribus Israël, dicit Dóminus. Vós que me seguistes assentar-vos-eis em tronos e julgareis as doze tribos de Israel, diz o Senhor.

Pós-comunhão

Sumptum, Dómine, pignus redemptiónis ætérnæ: sit nobis, quǽsumus; interveniénte beáto Bartholomæo Apóstolo tuo, vitæ præséntis auxílium páriter et futúræ. Per D.N. Nós Vos rogamos, Senhor, permiti que o penhor da Redenção, que recebemos por intercessão de S. Bartolomeu, vosso Apóstolo, nos sirva de auxílio para a vida presente e para a futura. Por N. S.

 


Traduções e comentários extraídos do Missal Quotidiano de D. Beda (1962).

Comente o post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: