Nota – falecimento de S. S. Bento XVI

É com pesar que recebemos a notícia de falecimento, ocorrido neste 31 de dezembro, do Santo Padre Bento XVI, eleito pelo Colégio de Cardeais, Sumo Pontífice reinante entre 19 de abril de 2005 e 28 de fevereiro de 2013.

Dentre os méritos de seu pontificado, ressalta-se o ressurgimento do cuidado litúrgico e uma maior contenção dos abusos doutrinários e rituais, que, embora ainda distante do ideal, representou relevante benefício à Santa Igreja.

No entanto, seu maior mérito foi a afirmação categórica, no Motu Proprio Summorum Pontificum, da permanência imortal do Rito Romano Tradicional, conforme codificado por S. Pio V, e da liberdade dos sacerdotes de celebrá-lo, fatores esses que, a despeito das restrições agora impostas pelo Romano Pontífice, jamais poderão ser abolidos, na linha do definiu o mencionado Santo e do que aclarado por Bento XVI.

Resta-nos, portanto, pedir a Deus, por intercessão de Nossa Senhora do Carmo, que, em sua misericórdia e justiça, dê ao falecido bispo de Roma o descanso eterno.

Requiescat in pace

Bruno Eduardo Vieira Santos
Diretor-Geral
Associação Civil Irmandade Nossa Senhora do Carmo